tweengo

"meu grito silencioso"

Bolhinhas no suco de laranja

leave a comment »

Ontem me deparei com uma cena que só depois me dei conta.

Fui almoçar com um amigo e uma amiga. Ela completou 18 anos hoje. Durante o almoço percebi que ao final do seu suco de laranja ela parou de beber. Ainda restavam alguns goles dentro do suco mas ela parou de beber. Ao invés de sugar o restante com o canudo, como eu provavelmente o faria, ela supreendentemente começou a soprar. Daí pequenas bolhinhas surgiam e o barulho das bolhas começou a ecoar na mesa. No mesmo momento a repreendi ironicamente dizendo:

“Aproveite, porque você só tem algumas horas para poder fazer isso. Logo logo você terá 18 e não poderá mais fazê-lo”.

E ela me respondeu instantaneamente com um sorriso no rosto: “Faz você também. É gostoso. Você vai gostar!”

Ao repreendê-la estava sentindo uma pontinha de inveja por não completar mais 18 anos, por achar que não posso mais brincar fazendo bolhinhas no suco de laranja. Até o barulho das bolhinhas no copo me soaram nostálgicos. Fazia tempo que não ouvia aquele som.

Ontem aprendi que, metaforicamente, as bolhinhas no suco de laranja representam o despojamento, a espontaneidade, a indiferença aos padrões da sociedade, o deixar-se viver. E como não poderia ser diferente o restaurante fica num bairro de São Paulo chamado Liberdade.

Quero eternamente soprar o canudo e soltar bolhinhas num restinho de suco de laranja.

Anúncios

Written by Alex Ok

05/03/2009 às 1:05

Publicado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: